Dona Conceição: 29 anos do terço de Aparecida em Cajobi

Neste ano completa-se 300 anos da aparição da imagem de Nossa Senhora de Aparecida, após ser encontrada por pescadores no rio Paraíba do Sul, em 1717. Para comemorar essa data a Dona Conceição, de 71 anos, moradora de Cajobi, realiza todos os anos, no dia 12 de outubro, um terço para N. Sra. de Aparecida, sempre no mesmo local e horário.

Mãe de 4 filhos, Conceição realizou o seu primeiro terço em 1988 e de lá pra cá muita coisa mudou. “A idéia surgiu em um dia triste”, disse. Neste ano, a tradição completa 29 anos de existência e são esperadas cerca de 200 á 250 pessoas.

Terço realizado em 1997. Foto: Arquivo Pessoal.

Além do terço, é realizada também a festa das crianças com teatros, danças, brincadeiras, palhaços, brinquedos, picolé, pipoca, bala, pirulito e doces. “A cada ano tentamos inovar no terço e nas atrações para as crianças”, completou Dona Conceição.

O evento anual só é possível por causa das doações em dinheiro e comes e bebes feitos pela comunidade cajobiense. “Agradeço a todos que nos ajudam a manter essa tradição e fé viva dentro do nosso município”, concluiu. Vale lembrar que o dinheiro que sobra é todo revertido para a paróquia Nossa Senhora da Abadia, de Cajobi.

Foto: Arquivo Pessoal.

As arrecadações começam um mês antes e sempre é realizado ás 13h00, no dia 12 de outubro na sua residência, que fica no bairro da piscina. Nascida em Passos – MG, Conceição veio de família simples e católica, ela ainda conta que desde a realização do terço várias graças foram recebidas. Durante a entrevista, Conceição deu ênfase que o terço é aberto para todo o publico que tem fé e devoção por Aparecida.

“Enquanto eu estiver com forças e fé a tradição jamais morrerá” – Dona Conceição.

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: