Ampliação do Fórum de Olímpia poderá custar R$ 14 milhões

O prefeito Fernando Cunha protocolou, na última semana, na capital paulista, na secretaria de Justiça e da Defesa da Cidadania de São Paulo, o projeto de ampliação das instalações físicas do Fórum de Olímpia. O documento foi entregue em mãos pelo prefeito ao secretário estadual de Justiça, o Procurador Márcio Fernando Elias Rosa. O secretário de Agricultura, Comércio e Indústria, Sargento Tarcísio, também acompanhou o ato.

O projeto foi elaborado pela secretaria de Gestão, por meio do Escritório de Captação de Recursos, e em parceria com o Escritório de Arquitetura e Urbanismo do arquiteto Donizeti Antunes, o Doni, além de ter sido acompanhado pelo arquiteto Paulo Araújo e a engenheira Larissa Muniz.

A iniciativa propõe que, ao invés de se construir um novo prédio para alocar o Fórum, o local atual seja reformado e ampliado, facilitando a prestação de serviços e reduzindo os gastos previstos com a edificação de um novo. A estimativa é de que o valor da obra seja em média 25% menor do que seria despendido para a construção de um novo espaço.

Em junho, o prefeito também se reuniu com o secretário de Agricultura do Estado e deputado federal, Arnaldo Jardim, para discutir a transferência da sede da Casa da Lavoura, órgão ligado à secretaria de Agricultura do Estado e que, atualmente, funciona em prédio anexo ao Fórum. A mudança será necessária para realização das obras de ampliação do prédio principal do Fórum. A alteração de local foi aceita tanto pelo secretário de Agricultura como pelo secretário de Justiça e o prefeito se comprometeu a abrigar a sede em um novo espaço.

O projeto de ampliação do Fórum está orçado em R$ 14 milhões, sendo R$ 2 milhões do município e R$ 12 milhões do Estado. A reforma estrutural é essencial porque Olímpia atende seis municípios da Comarca com um movimento processual de cerca de 13.500 ações judiciais, tornando, assim, o espaço físico atual insuficiente para acomodação de processos e funcionários.

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: